domingo, 26 de outubro de 2008

De longe, o destino

De longe. Espero. Na espreita. Na saudade. Imagino. Nossos dias mais nossos. Nossos momentos mais longos. Nossa vida mais viva. De longe. Observo. De lado. De salto. Chamo. Pelos pensamentos mais reais. Pelas vontades mais fatais. Pelo caso do acaso. De longe. Quero. Na sombra. No escuro. Sonho. Com os beijos mais quentes. Com as viagens mais longas. Com os toques mais tocados.

Meu bem, não viva sem querer. Não ame sem amar. Não seja o que não quer. Não me peça pra esquecer. Não busque distorcer. Não idealize sem saber. Cada um tem um destino. Cada destino tem um alguém. Se você é meu destino. Que tal ser o meu também?

3 comentários:

lis disse...

Ciça,
Que lindo tudo que você escreveu aqui nesses dias de ausência.
Sobre os pais, nossa!
Você achou suas palavras ainda mais belamente.
Beijos e boa semana.

Melsavinon disse...

Muito fofo esse post!Amei!
Boa semana pra nós!!(sem chuva eu espero!!!)
Té mais lindona!

Melsavinon disse...

Ah!Um Ps...Manda bala nos assuntos aí pra "nós discutirmos no bom sentido"...fiquei curiosa...